×

O bom e o ruim de: The Walking Dead – 7ª Temporada

The Walking Dead voltou com tudo em seu primeiro episódio da 7ª temporada, e estabeleceu de vez a ameaça de Negan. Mas nem tudo são flores…

Este texto contém spoilers!

Tudo se iniciou com Negan (Jeffrey Dean Morgan) esmagando cabeças e trazendo uma surpresa para os que esperavam algo idêntico às HQs, o vilão rapidamente se destacou e virou uma das maiores ameças da série. E por falar em destaque, quem realmente brilhou e mostrou um bom arco, foi o lacaio de Negan, Dwight (Austin Amelio), ele foi um exemplo de evolução de personagem (algo raríssimo nessa temporada), ver e entender suas motivações a se voltar contra Negan foi um dos pontos altos.

Como eu gostaria de ter visto mais de Rick (Andrew Lincoln) e Negan, os encontros dos dois e seus diálogos passavam uma tensão imensa! Era claro como os dois atores se entregaram aos seus personagens e somente com troca de olhares o ódio era perceptível. A série poderia ter mostrado muito mais disso e ter enrolado bem menos…

Sasha (Sonequa Martin-Green) e a traição do povo do lixão trouxeram um bom plot-twist no final, mas ainda assim não salvaram o episódio que encerrou uma das piores temporadas de TWD.

The Walking Dead está na sua sétima temporada e até hoje não encontrou seu ritmo. Temos episódios as vezes excelentes e tantos outros tão parados e ruins. Você pode dizer: “Mas TWD não é só tiro”, mas ultimamente nem boas cenas de ação a série está trazendo. Os planos de ação, sempre mostram personagens atirando no “nada”, existem pouquíssimos feedbacks visuais de personagens recebendo os tiros. O expectador precisa disso, é algo como uma recompensa pra quem vê. E por falar em tiros, como é forçado Negan ser o santo imaculado que não leva nem sequer um tiro de raspão e ainda sai mostrando o dedinho do meio. Acertaram um tiro em Lucille, aparentemente o seu campo anti-tiros não se estende ao taco de baseball.

Essa temporada também foi responsável em deixar muitos personagens esquecidos, vimos pouquíssimo de Carol (Melissa McBride) e Carl (Chandler Riggs) por exemplo. Vimos uma temporada de decisões estranhamente ruins, lembra quando Sasha entra no covil de Negan? No episódio seguinte temos a personagem presa, nada foi mostrado e nunca será. Cenas mostrando essa situação poderiam ter rendido bons diálogos entre Negan e Sasha, e até mesmo boas cenas de ação.

Em minha humilde opinião a série deveria se encerrar após a ameça de Negan. Não vejo mais renovo para a série que está presa no molde de “encontrar local seguro> vilão> guerra> destruição do lugar seguro> procura por novo lugar”. Assisti vários episódios de TWD, li mais de 100 volumes da HQ, mas sinceramente acho que já deu. 🙁

 

Nossa opinião:

Mais ou menos

Comentários